Preto e branco

Mesmo sem jeito vou vivendo
assim mesmo sem vontade
ela, a vontade foi passear
quem sabe encontrou um grande amor...


sorte dela, que me abandonou...
deixou só, sem vontade... sem querer..
vivendo impassível...
como se a vida não tivesse gosto


gosto que gosto?
gosto de nada, de ninguém...
talvez seja isso
que fez da minha vida
um quadro preto e branco


quero cor, quero gosto, quero vontade
quero gostar...



Postagens mais visitadas deste blog

Decisão

Transformação

Bobagens da decepção